10 animais que impressionam na camuflagem

0

A camuflagem ou mimetismo animal ocorre quando os animais mudam sua aparência para se integrar ou se tornar imperceptível em um ambiente.

Esta é, por vezes, uma forma de defesa contra predadores ou uma maneira de facilitar a captura de presa.

Confira 10 animais que são considerados expert em camuflagem.

1. Borboleta-folha

Além de se se camuflar de acordo com a cor do ambiente em que está, a borboleta-folha (Zaretis itys) também consegue se mimetizar para imitar uma folha seca.

Dessa forma, ela consegue passar totalmente despercebida por seus predadores.

2. Raia

A raia (Batoidea), também conhecida como arraia, é um peixe cartilaginoso que se utiliza de sua coloração para se camuflar na areia do fundo do mar e lagos. Em geral, vivem em locais de águas tropicais ou subtropicais.

Em águas rasas são comuns os acidentes envolvendo a raia, pois as pessoas não a veem e acabam pisando sobre ela e levando uma bela ferroada de seu arpão afiado.

3. Polvo-mímico

Esta espécie de polvo mede cerca de 60 centímetros e é capaz de realizar nove imitações diferentes de outros animais, como peixes e serpentes.

O mais impressionante é que além de mimetizar a forma de outros animais, o polvo-mímico (Thaumoctopus mimicus) também consegue imitar o comportamento e movimento deles.

Devido a sua extrema inteligência, este animal é considerado excepcional quando o assunto é camuflagem.

4. Lagartixa de Madagascar

Também conhecida como lagartixa-satânica-cauda-de-folha (Uroplatus phantasticus), este réptil possui uma camuflagem que se assemelha a folhas secas, o que é muito útil para passar despercebido entre galhos e folhas.

Com isso, esta espécie de lagartixa consegue capturar insetos mais facilmente e também se proteger de predadores, como cobras, pássaros e ratos.

5. Coruja

As corujas se destacam na camuflagem por conseguirem se mimetizar nas árvores durante o dia. Para isso, elas usam suas penas e também inflam o corpo.

Por serem animais noturnos, esta é a forma que encontram para se esconder dos predadores.

6. Bicho-folha

Também conhecido como esperança-folha, este inseto consegue camuflar detalhes de folhas, como furos de roídas e até mesmo manchas de fungo.

Quando se sentem sob uma ameaça muito forte, podem até mesmo mimetizar os olhos de um animal maior do que realmente são.

Durante o dia, esses animais ficam imóveis e com as perdas esticadas, simulando gravetos.

7. Bicho-pau

Como o próprio nome já revela, o bicho-pau (Phasmatodea) se mimetiza para se assemelhar a gravetos.

Para isso, ele permanece muito tempo imobilizado em arbustos e galhos. Esta é uma forma de defesa contra os predadores

O bicho pau também possui o dom de restauração de membros eliminados.

8. Peixe-pedra

O peixe-pedra (Synanceia verrucosa) se mantém imóvel e camuflado em pedras e recifes tropicais para capturar alimentos.

Assim como acontece com as raias, essa camuflagem é perigosa para os humanos, pois esses peixes possuem espinhos venenosos localizados em seu dorso, que causam dores e inflamações quando pisados.

9. Sapo-folha

O sapo-folha (Proceratophrys boiei) é uma rã que recebeu nome por conta de sua coloração amarronzada.

Graças a sua coloração, essa rã consegue se camuflar no chão da floresta juntamente com as folhas secas das árvores para se esconder dos predadores e capturar insetos e rãs menores.

Esta espécie também é conhecida como sapo-boi por ter protuberâncias em forma de chifres sobre os olhos.

10. Camaleão

Certamente este é o primeiro animal que nos vem à mente quando falamos de camuflagem. Não é a toa que ele é considerado como o “Rei da camuflagem”.

O camaleão (Chamaeleonidae) consegue trocar de cor controlando a concentração de pigmentos nas células da pele, assim se camuflando no ambiente.

A mudança de cor é feita quase de forma instantânea. Por exemplo, se o camaleão passa de uma planta verde para outra avermelhada, essa mudança também vai ocorrer em sua pele.

Isso porque, eles têm células em formatos de estrela com muitas ramificações e micro túbulos que transportam o pigmento para as extremidades da pele. Os pigmentos são das mais diversas cores.

O cameleão usa a camuflagem como uma forma de se defender de predadores, para a captura de presas e também para fazer a marcação do território.

Deixe Um Comentário