As 7 maravilhas do mundo moderno

0

Em 2007, foi criada uma lista dos monumentos mais grandiosos feitos pelo homem, que foram chamados de “As 7 Maravilhas do Mundo Moderno”.

O objetivo dessa lista é ressaltar a beleza e grandiosidade dessas obras construídas pelo homem. Esses monumentos recebem por ano milhares de turistas.

Confira a lista abaixo das 7 maravilhas do mundo moderno:

1 – Muralha da China

Também chamada de “Grande Muralha”, começou a ser construída por volta de 220 a.C por ordem do primeiro Imperador Chinês Qin Shihuang, da dinastia Qin.

O objetivo da construção foi a proteção do império chines contra a invasões de grupos nômades, em especial os mongóis.

A muralha se estende por aproximadamente três mil quilômetros, sendo constituída por fortificações de pedra, terra compactada, tijolo e outros materiais.

2 – Taj Mahal – Índia

Uma das 7 maravilhas do mundo moderno, o Taj Mahal é um grandioso mausoléu situado em Agra, na Índia.

O monumento foi construído pelo imperador Shah Jahan em memória à sua esposa preferida, Aryumand Banu Begam, a quem ele chamava de Mumtaz Mahal, que significa “a joia do palácio”.

Aryumand morreu após dar à luz a seu 14ª filho, então o Taj Mahal foi construído sobre seu túmulo, junto ao rio Yamuna. Desde então a construção é tida como a maior prova de amor do mundo.

A cúpula do monumento é costurada com fios de ouro e no interior há inscrições do corão e pedras semipreciosas incrustadas na parece.

A obra foi feita entre 1632 e 1653 e estima-se que aproximadamente 20 mil homens de várias cidades do Oriente trabalharam na construção.

3 – As Ruínas de Petra – Jordânia

Petra é uma região arqueológica da Jordânia que foi inteira esculpida em arenito. Ela também é conhecida como “Cidade Rosa”, por causa da cor das pedras do local. A ocupação da cidade remonta ao ano de 1200 a.C.

A cidade foi próspera durante os Impérios Romano e Bizantino, mas foi devastada por dois terremotos. O primeiro deles em 363 d.C e o segundo em 551 d.C.

4 – Cristo Redentor – Brasil

O mais conhecido cartão postal do Brasil, o Cristo Redentor, está localizado na cidade do Rio De Janeiro (RJ).

Trata-se de uma estátua no estilo art déco que retrata Jesus Cristo e está localizada no morro do Corcovado. A estátua está a 709 metros acima do nível do mar, no Parque Nacional da Tijuca.

O Cristo Redentor possui trinta metros de altura, 28 metros de largura, e está sob um pedestal de 8 metros. O monumento foi construído entre os anos de 1922 e 1931, sendo feito de concreto armado e pedra sabão.

O Cristo Redentor é a terceira maior escultura de Cristo no mundo, sendo menor apenas que a de Cristo de la Concordia, na Bolívia e a Estátua de Cristo Rei de Świebodzi na Polônia.

5 – Coliseu – Itália

Também conhecido como Anfiteatro Flaviano, o Coliseu é considerado o maior símbolo de Roma, na Itália. Sua construção teve início em 72 d.C, sendo concluído em 80 d.C.

O anfiteatro poderia abrigar ente 50 mil e 80 mil espectadores, tendo um público médio de 65 mil pessoas. Entre os eventos realizados no local estão os combates de gladiadores, execuções, encenações de dramas baseados na mitologia clássica, caças de animais selvagens, simulações de batalhas marítimas e encenações de batalhas famosas.

O Coliseu foi parcialmente destruído por terremotos e saqueadores, mas ainda assim sua grandiosidade impressiona quem visita a Itália.

6 – Machu Picchu – Peru

Construída no século XV, Machu Pichu é conhecida como a cidade perdida dos Incas. Ela está localizada no topo de uma das montanhas da cordilheira dos Andes, a 2400 metros de altitude.

A cidade foi destruída com a chegada dos espanhóis à região, no século XVI e hoje é tida como o principal símbolo do Império Inca. Merecidamente é uma das 7 maravilhas do mundo.

7 – Chichén Itzá – México

Localizada na província mexicana de Yucatán, Chichén Itzá é uma cidade pré-colombiana construída pela civilização Maia, no final do período clássico.

A pirâmide de Kukulcán, o Templo de Chac Mool, a Praça das Mil Colunas e o Campo de Jogos dos Prisioneiros, formam o belo sítio arqueológico.

Chichén Itzá é um dos sítios arqueológicos mais visitados do México, recebendo anualmente cerca de 1,4 milhões de turistas.

Deixe Um Comentário