Aokigahara: A sombria floresta do suicídio

0

Aokigahara é uma floresta que está localizada na base noroeste do Monte Fuji, no Japão. Com 35km², o local que também é chamado de “Mar de Árvores”, é conhecido por sua grande ocorrência de suicídios. Por isso, muitas pessoas conhecem o local pela designação de “A Floresta do Suicídio”.

E, esta denominação não é à toa, já que local é o segundo ponto em que ocorre mais suicídios no mundo, ficando atrás somente da Ponte Golden Gate, nos Estados Unidos.

A floresta é composta de árvores muito antigas e sua vegetação fechada faz um silêncio profundo imperar no local. Muitas pessoas relatam que o clima em Aokigahara é bastante pesado e macabro.

Japoneses consideram a floresta como um local amaldiçoado

Muitos japoneses consideram a floresta como um local maldito, que seria a morada de muitos espíritos malignos e demônios. Conta-se que, a causa disso seria pelo fato de a floresta fazer parte de acontecimentos sinistros da história do Japão.

No século XVIII quando o Japão foi assolado por uma grave crise, a escassez de alimento atingiu muitas famílias. Nesse período, muitas dessas famílias abandonavam parentes debilitados e doentes na floresta para se livrar do fardo que eles representavam.

Por isso, muitos japoneses acreditam que o espirito dessas pessoas que morreram em tão grande sofrimento ainda estão assombrando a floresta, convencendo as pessoas tristes que visitam o local a tirarem a própria vida.

Avisos e mensagens de motivação estão espalhados na floresta

Por conta do grande número de suicídios no local, o governo japonês espalhou placas com avisos em todas as rotas de acesso à floresta.

As placas possuem o objetivo de provocar uma reflexão às pessoas que vão ao local pensando em tirar a própria vida e orientam que elas saiam de lá e procurem ajuda.

Apesar dos avisos, o número de suicídios só cresce a cada ano no local.

Suicídios ocorrem de diversas formas

Por ano, mais de 100 pessoas são encontradas mortas no local e, na maioria das vezes, os corpos são encontrados em estado avançado de decomposição.

As pessoas encontradas mortas na floresta tiram a vida por enforcamento, uso de arma de fogo ou envenenamento.

Contudo, o método mais usual de morte na floresta é o suicídio por enforcamento.

Fama do local atrai suicidas

As estatísticas de morte por suicídio na floretas aumentou consideravelmente na última década.

Antes de 1998, cerca de 30 pessoas que atentaram contra a própria vida eram encontradas mortas no local. Mas, o número de suicidas que procuram o local só aumenta com o passar dos anos.

As autoridades acreditam que o aumento da popularidade e lendas em torno de Aokigahara faz com que pessoas que pensem em suicídio se dirijam para a local.

Por este motivo, a imprensa japonesa possui a recomendação de não publicar notícias de locais que costumam ser frequentados por suicidas.

Isso porque, acredita-se que as notícias são uma forma de encorajamento para pessoas depressivas ou que estejam passando por situação difícil e pensam em se matar.

Certamente, a Floresta dos Suicídios é um dos locais mais assustadores e melancólicos do mundo.

Deixe Um Comentário