Os lugares abandonados mais fascinantes do mundo

0

Os lugares abandonados intrigam e encantam a todos. Isto porque, por trás de suas ruínas há todo um contexto para que esses lugares deixassem de ser habitados, seja a falta de orçamento, guerras ou escassez.

Conheça 9 lugares abandonados fascinantes ao redor do mundo:

1. Oradour-sur- Glane – França

Na Segunda Guerra Mundial, no dia 10 de junho de 1944, este vilarejo foi completamente destruído por soldados alemães.

No massacre, mais de 640 pessoas foram mortas e, desde então, o local está em ruínas.

2. Hospital Beelitz – Alemanha

Este hospital foi construído no final do século XIX, em 1898, no interior da floresta de Beelitzer, cidade próxima à Berlim.

O hospital isolado atendia pacientes com tuberculose e durante a Primeira Guerra Mundial também atendia os militares feridos em combate, inclusive tendo atendido Adolf Hitler, quando ele foi ferido.

Durante o período da Guerra Fria, os soviéticos dominaram o hospital. Quando os russos desocuparam a Alemanha, o local foi abandonado.

Há quem diga que o hospital é assombrado. O fato é que, ele é com certeza um dos lugares abandonados mais assustadores do mundo.

3. Humberstone – Chile

A cidade chilena de Humberstone foi fundada em 1872 para servir como apoio aos mineradores que trabalhavam na exploração do salitre, no Deserto do Atacama.

O salitre era uma matéria prima bastante valorizada, chamada até de “ouro branco”, usada para a fabricação de fertilizante. Na virada do século XIX para XX praticamente todo o salitre do mundo vinha do Deserto do Atacama.

No período das Guerras Mundiais, as importações foram proibidas e os países europeus encontraram substitutos para o salitre.

Aos poucos, os exploradores foram abandonando a cidade, que chegou a ter cerca de 3,5 mil moradores e atualmente está deserta.

Humberstone é tombada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

4. Wonderland – China

A construção de um parque temático em Nakou, subúrbio de Pequim, se iniciou no final da década de 1990, mas foi interrompida por falta de verba para a conclusão.

O projeto acabou sendo abandonado e se tornou um parque fantasma. Os moradores do entorno apelidaram o local de Wonderland.

5. Craco – Itália

O centro histórico de Craco, está localizado ao sul da Itália, sob um penhasco de 400 metros. A origem das construções da cidade remetem ao século VII a.C.

Craco resistiu à diversas invasões, guerras, períodos de fome e exterminações por pragas. Mas, na década de 1950, os deslizamentos de terra ocasionados por terremotos fizeram com que a cidade fosse evacuada.

Os últimos moradores foram forçados a abandonar o local em 1970, após uma enchente.

6. Angkor Wat – Camboja

Este templo do Camboja está localizado no sítio arqueológico de Angkor, na cidade de Siemp Reap.

A construção data do século XVII e foi uma homenagem ao rei Suryavarman II, do Império Khmer.

O templo é tomado como Patrimônio Histórico da Humanidade e é tido pelo Guinness Book como o maior monumento histórico do mundo, tendo 1,6 milhões de m².

Ao longo dos séculos, algumas restaurações já foram feitas no templo, mas o local não voltou a ser habitado.

O templo está abandonado desde 1594.

7. Ruínas de São Miguel de Arcanjo – Brasil

Este sítio arqueológico tem sua construção datada do ano de 1682, e está localizado no estado do Rio Grande do Sul.

As ruínas são da igreja e de casas vizinhas usadas pelas missões jesuíticas, que se instalaram no local para catequisar os índios.

8. Castelo de Bodiam – Inglaterra

O Castelo de Bodiam está situado na região de East Sussex.

Trata-se de uma construção medieval do século XIV, que servia para defender os ingleses das constantes invasões francesas ocorridas na Guerra dos Cem Anos.

No interior do castelo, havia uma estrutura que foi destruída em 1664 por forças parlamentares.

Do imponente edifício restam apenas as ruínas.

9. Vale dos Moinhos (Vallone dei Mulini) – Itália

Em Sorrento, atrás da praça central Piazza Tasso, há uma ruína secular coberta por vegetação.

Os vales guardam uma paisagem peculiar constituída por moinhos que foram usados por mais de mil anos.

Em meados do século XIV, por conta da grande umidade da área, os moinhos foram abandonados e a vegetação rasteira cobriu construção, resultando em uma paisagem incrível.

Este é com certeza um dos lugares abandonados mais fascinantes do mundo.

Deixe Um Comentário