Missão Apollo 11: Teria mesmo o homem pisado na lua?

0

A Apollo 11 foi a quinta missão do Programa Apollo que realizou a primeira alunagem (desembarque na superfície na lua). O acontecimento histórico se deu no dia 20 de julho de 1969 e o módulo lunar foi tripulado pelos astronautas Neil Armstrong, Michael CollinsEdwin ‘Buzz’ Aldrin.

Entretanto, há diversas teorias da conspiração que defendem que o homem nunca pisou na lua.

A imagem famosa que conhecemos de Neil Armstrong ficando a bandeira dos Estados Unidos no solo lunar seria apenas uma encenação criada pelo governo norte-americano para vencer a corrida espacial contra a antiga União Soviética.

A grande pergunta é: Por que depois de tanto anos o homem nunca voltou à lua?

A seguir, listamos supostos inícios de que a missão Apollo 11 pode ter sido uma fraude. Tire suas próprias conclusões:

1. Ausência total de estrelas

No momento do suposto pouso do homem na lua, o céu estava totalmente sem estrelas.

Isso não deveria ocorrer, pois como não há nuvem sobre a lua, as estrelas deveriam ser mais visíveis do que vemos da Terra.

De acordo com a NASA, a qualidade das fotografias e a impossibilidade de mapear os locais exatos de todas as estrelas teriam refletido no resultado. Por isso, elas teriam ficado de fora.

Entretanto, algumas fotografias são de alta qualidade, mas mesmo assim em nenhuma delas aparece uma estrela sequer.

Até mesmo da Terra é possível fazer fotos de estrelas, mesmo com uma qualidade inferior é possível identificá-las.

2. Diversas fontes de luz

A lua possui apenas uma fonte de luz, que é o sol. Assim, todas as sombras deveriam ser paralelas, o que não ocorreu nas imagens, como se tivessem mais de uma fonte de luz.

A explicação da NASA seria o terreno desigual da superfície da lua que teria diversas colinas. Entretanto, essa explicação foi descartada, pois as colinas não criariam diferenças angulares tão grandes.

3. Sem cratera de impacto

Assim como a câmera se manteve firme, não houve também uma cratera de explosão quando o módulo lunar da NASA desembarcou na superfície.

Tanto em vídeos quanto em fotografias não se vê a cratera de impacto, o que faz crer que o módulo lunar foi simplesmente colocado lá.

Outro indício é que a superfície da lua é coberta de pó lunar. Ainda assim, não houve deslocamento de poeira.

4. O mistério da rocha C

As imagens do pouso do homem na superfície da lua mostra uma rocha em primeiro plano com uma letra “C” gravada.

As teorias da conspiração sugerem que a rocha seja uma marcação de um suposto cenário em que foi feita a simulação. A letra é bastante simétrica, o que faz ser improvável que seja uma ocorrência natural.

A explicação da NASA foi de que a letra pode ter sido colocada pelo manipulador da fotografia como uma brincadeira ou que se trata de um fio de cabelo que caiu nos negativos durante a revelação das fotos.

5. Bandeira tremulando

O pouso do homem na superfície da lua pela missão Apollo 11 foi mostrado ao vivo pela televisão. Nas imagens, é possível ver a bandeira norte americana que os astronautas cravaram na superfície da lua tremulando.

Contudo, não há ar na atmosfera da lua. Por isso, não deveria haver vento para balançar a bandeira.

Segundo a NASA, a bandeira teria viajado dentro de um tubo fino, o que poderia ter causado a impressão de ondulação com ela fincada em solo lunar.

Deixe Um Comentário