As raças de cavalos mais caras do mundo

0

Os cavalos têm sido utilizados pelo homem há bastante tempo, seja como meio de transporte, lazer, combater em guerras, trabalhos em fazendas, prática de esportes e etc.

A criação desses animais se tornou um negócio de luxo, a depender da raça, porte físico, linhagem do equino e habilidades específicas de cada raça.

Saiba quais são as raças de cavalos mais caras do mundo:

5° – Mustang

O Mustang é uma raça de cavalos selvagens, nativo da América do Norte.

Esses equinos se destacam pela beleza, porte físico e inteligência. Além disso, costumam viver mais quando comparados a outros cavalos.

Por ser uma raça de cavalos selvagens, os mustangs são protegidos por uma lei nos Estados Unidos.

A lei foi criada pois a espécie estava presentes a entrar em extinção devido ao comércio desenfreado.

Um Mustang pode chegar a custar US$ 4.700.

4° – Paint Horse

O Paint Horse é a raça de cavalos que mais cresce da América do Norte.

Esta raça é originada nos Estados e se destacam por sua inteligência, porte atlético, virilidade e pelagem malhada.

Esses cavalos apresentam pelagem de dois tipos, que são: predominantemente marrom com manchas brancas ou predominantemente branca com manchas marrons.

Por seu porte físico e resistência, esses cavalos são muito usados para o trabalho rural no campo e em fazendas.

Um cavalo Paint Horse pode ser vendido por até US$ 5.000.

3° – Quarto de Milha

O Quarto de Milha também é uma raça que é originária dos Estados Unidos.

Essa raça se caracteriza por serem excelentes corredores, chegando a atingir aproximadamente 90 km/h, sendo ótimos em corridas de curta distância.

Para a prática de esportes, o Quarto de Milha é bastante versátil, sendo o parceiro perfeito em práticas como hipismo, salto, corrida de tambor e etc.

Além disso, são animais amáveis e calmos, sendo perfeitos para passeios e trilhas.

Um quarto de milhas pode chegar a ser vendido por US$ 7.500.

2° – Puro Sangue Inglês

O Puro Sangue Inglês também é considerado um equino com a raça perfeita quando o assunto é corridas, principalmente em longas distâncias.

Isso porque, eles atingem e mantém a velocidade de forma progressiva, sendo a maior velocidade registrada pela raça 77 km/h.

O corpo musculoso e porte físico esbelto explicam a grande velocidade atingida em competições de corrida.

A partir do cruzamento entre éguas inglesas com garanhões turcos, berberes e árabes, a raça Puro Sangue foi desenvolvida na Inglaterra entre o século XVII e XVIII.

Um Puro Sangue Inglês pode custar até US$ 35.000.

1° – Puro Sangue Árabe

Apesar de não ser tão veloz quanto o Quarto de Milha e o Puro Sangue Inglês, o Puro Sangue Árabe é tido como o cavalo mais caro do mundo nos dias atuais.

Estes animais se destacam por sua capacidade de resistência. Por isso, se saem muito bem em corrida de longas distâncias.

Além disso, é uma das raças mais antigas, tendo sido encontrada evidências arqueológicas desa raça que datam de aproximadamente 2500 a.C.

O Puro Sangue Árabe possui participação frequente em hipismo rural, enduro, adestramento e esportes hípicos com salto.
Um animal desta raça chega a custar até US$ 65.000.

Deixe Um Comentário