Visite o deslumbrante Taj Mahal

0

O Taj Mahal certamente é o ponto turístico mais conhecido da Índia. Essa popularidade se deve ao fato de monumento ter sido cenário de produções cinematográficas e estar presente em obras literárias.

Por ano, mais de 3 milhões de pessoas visitam o Taj Mahal, que é considerado desde 1993 Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e também é uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno.

O que é o Taj Mahal

O Taj Mahal é um mausoléu que está situado na cidade de Agra, em Uttar Pradesh. Ele foi construído no século XVII, no período entre 1632 e 1652.

Devido a magnitude do monumento, especula-se que aproximadamente 20 mil homens trabalharam em diversas etapas da construção.

Grande parte da mão de obra para a construção veio do Oriente. Isso porque, desejava-se trabalhadores que estivessem preparados para trabalhar nos detalhes e simetria do monumento.

A história de amor por trás do Taj Mahal

A construção do Taj Mahal está ligada a uma bonita história de amor.

O imperador mongol, Shah Jahan, deu ordens para a construção do grandioso monumento em homenagem a esposa que ele mais gostava, Aryumand Banu Begam. Ela era chamada de Mumtaz Mahal, que quer dizer “a joia do palácio”.

No parto do 14º filho, Aryumand morreu. Dessa forma, a construção do mausoléu foi uma forma de Shah Jahan passar pelo luto da morte de sua amada e o Taj Mahal começou a ser construído sobre o túmulo de Aryumand, que ficava perto do rio Yamuna.

Por conta dessa homenagem, o Taj Mahal ficou reconhecido como “a maior prova de amor do mundo”.

Os detalhes do Taj Mahal

O amor à esposa morta está demonstrado em todos os detalhes da construção, que é toda revestida em mármore branco.

Por dentro, pedras preciosas e tramas minuciosamente trabalhadas com fios de ouro fazem parte da delicadeza dos detalhes do mausoléu.

Estrutura do Taj Mahal

O Taj Mahal é composto por uma cúpula maior e quatro menores. A cúpula maior está bem à frente da estrutura e encanta os visitantes por conta de sua magnitude.

Há ainda quatro cúpulas menores e quatro torres construídas na extremidade. Essas torres foram construídas levemente inclinadas, dessa forma se houvesse um desabamento, as torres não cairiam em cima do edifício.

Ao redor há um bonito jardim, que possui caminhos de flores, corredores de árvores, fontes e canteiros, sendo possível fazer um agradável passeio.

Os espaços do complexo são divididos em: Mausoléu, Mesquita, jardins, Portal de acesso ao Palácio, Salão Central, Túmulo do Imperador e Edifícios Secundários.

Os detalhes extremamente minuciosos e a simetria fazem do Taj Mahal uma das obras mais perfeitas já construídas.

Pela magnitude da obra, é preciso reservar tempo para que todos seus espaços sejam conhecidos e admirados.

A morte do imperador

Na fase final da construção do Taj Mahal, em 1657, Shah Jahan ficou muito doente e por causa da fragilidade de sua saúde, o imperador passou o título ao filho, Aurangzeb.

Shah Jahan morreu em 1666 e teve a felicidade de ver a grande homenagem à sua amada finalizada.

Entretanto, ele tinha planos de construir a réplica do Taj Mahal em mármore preto para ser seu mausoléu. Mas, como isso não foi possível, ele foi sepultado no monumento já construído ao lado de sua amada.

Os altos custos da construção ao longo de duas décadas marcaram o começo do declínio da dominação mongol na Índia.

Monumento quase foi destruído

No século XIX, com a Índia sob dominação britânica, a preservação do Taj Mahal foi colocada em risco devido às rebeliões hindus e a grande depredação feita pelos oficiais ingleses.

No século XX, entretanto, o monumento foi restaurado pelos ingleses.

Como chegar ao Taj Mahal

Para visitar o Taj Mahal, você pode ir bem cedo e voltar no mesmo dia da cidade de Delhi para Agra.

Há ônibus turísticos que fazem o trajeto além dos chamados trens high speed, que são transportes de alta velocidade.

Outra opção é dormir uma noite em Agra, que além do Taj Mahal não tem outras atrações, e conhecer o mausoléu bem cedo para evitar a aglomerações. O monumento abre à visitação às 6h da manhã.

É também possível fazer uma visitação noturna, que é entre 20h e 00h, onde é possível ter uma vista diferenciada e muito bonita do mausoléu, ainda mais se for noite de lua cheia.

Deixe Um Comentário