Benefícios do azeite de oliva para a saúde

0

O azeite de oliva é um alimento bastante frequente em cardápios saudáveis. Isso porque ele ajuda a diminuir o risco de doenças cardíacas, promovendo maior longevidade.

Frequente na dieta mediterrânea, o azeite de oliva é muito consumido pela população de países como a Grécia. Afinal, ele é obtido a partir dos frutos da oliveira (azeitona), uma árvore originaria da região mediterrânea.

Para que o óleo seja produzido, as azeitonas são prensadas. Da prensa se obtém uma pasta que é agitada para que gotas de óleo sejam retiradas.

O óleo de azeite pode ser refinado, não refinado, extravirgem e virgem. O mais saudável é o extravirgem, pois conserva o sabor da oliva, possui menor acidez (menor que 0,8%) e maior quantidade de nutrientes.

Falaremos a seguir sobre alguns dos benefícios do azeite:

1. Prevenção de doenças cardiovasculares

O azeite de oliva é um aliado na prevenção da hipertensão arterial e também retarda o envelhecimento das veias e artérias.

O consumo do azeite de oliva extravirgem, que é rico em gorduras saudáveis, como o ômega 3, contribui para o aumento dos níveis do colesterol bom (HDL) e redução do colesterol ruim (LDL).

Assim, a tendência é a redução das placas de gorduras nas artérias, fazendo com que não haja o bloqueio do fluxo sanguíneo, que é a principal causa do infarto e acidente vascular cerebral.

Com isso, o consumo regular do azeite de oliva pode ajudar na prevenção de infartos. Esse fato foi comprovado a partir de um estudo na França com mais de 7.000 pessoas acima de 65 anos.

O estudo mostrou que aqueles que consumiam azeite de forma regular possuem 41% menos risco de ser vítima de um ataque cardíaco.

2. Alívio das dores

O azeite de oliva extravirgem possui ação anti-inflamatória. Assim, pode ajudar a diminuir dores das articulações e músculos. Isso porque, possui entre seus componentes está o oleocanthal, que é um poderoso antioxidante.

Assim, quem consome azeite mantém fortificado o sistema imunológico, o que evita o aparecimento de doenças oportunistas.

3. Ajuda na perda de peso

Se você quer emagrecer, o azeite de oliva é um grande aliado. Isso porque, o óleo possui gorduras saudáveis que estimulam a perda de peso.

Além disso, é altamente nutritivo e promove sensação de saciedade, sendo ideal para tempero de pratos.

4. Ajuda no combate ao câncer

O azeite possui antioxidantes, como o tirosol, acteosídeos e os ácidos fenilpropriônicos, que combatem os radicais livres que causam danos no DNA da célula.

O azeite extravirgem possui ainda terpenoides e esqualeno, que são componentes anticancerígenos.

5. Pele, unhas e cabelos mais bonitos

O consumo do azeite de oliva ajuda a tratar o ressecamento da pele e a acne. O consumo do azeite também fortalece as unhas e contribui para o crescimento do cabelo.

Além de ser consumido oral, o óleo pode ser ainda passado sob a pele, cabelos e unhas.

6. Promove a limpeza no fígado

O fígado é um dos órgãos mais importantes do corpo, possuindo grande atuação no metabolismo.

Por ficar sobrecarregado, o fígado precisa sempre de um detox. O azeite de oliva extravirgem promove essa limpeza do fígado.

Recomenda-se tomar diariamente uma colher de sopa de azeite de oliva extravirgem, juntamente com suco de limão. Você pode usar essa mistura para fazer o tempero de saladas.

7. Ajuda no controle dos níveis de açúcar no sangue

Há pesquisas científicas que apontam que colocar o azeite de oliva extravirgem nas refeições ajuda na redução dos níveis de glicose no sangue após a alimentação, evitando assim picos glicêmicos.

A diminuição de açúcar no sangue também é uma forma de proteger o sistema cardiovascular.

8. Proteção das funções cerebrais

Por ser rico em polifenóis e antioxidantes, o azeite de oliva pode prevenir o surgimento de doenças cerebrais, como o mal de Parkinson e mal de Alzheimer.

Para isso, é preciso que o azeite de oliva extravirgem faça parte de uma alimentação saudável e nutritiva.

Deixe Um Comentário