Os lugares com o maior volume de chuva do mundo

0

O nosso planeta possui diversas variações climáticas. Enquanto há locais em que o clima é de seca local, há outros que os volumes de chuva são intensos.

Os locais mais chuvosos são aqueles localizados próximos às grandes massas de água, montanhas e qualquer outro tipo de geografia que não permita a variação do clima.

Em geral, esses lugares apresentam umidade elevada, o que favorece a formação de nuvens. No Brasil, a região mais chuvosa é a Norte, por conta da Floresta Amazônica.

A seguir, confira os 5 lugares que mais chovem no mundo:

5° – San Antonio de Ureca – Guiné Equatorial

San Antonio de Ureca é o local mais chuvoso da África.

Esta cidade da Guiné Equatorial é uma nação insular localizada ao largo da costa de Camarões.

Lá, na maior parte do ano chove forte por conta da combinação da umidade dos oceanos que é absorvida pelas encostas íngremes, causando uma espécie de aprisionamento para a formação de grandes nuvens e, consequentemente, chuvas fortes.

Em média chove em San Antonio de Ureca um volume de 10.450 mm por ano.

4° – Cropp River – Nova Zelândia

O rio Cropp é o local mais chuvoso da região da Oceania e Ásia.

O rio tem apenas 9 quilômetros de extensão e está localizado próximo ao mar da Tasmânia.

Estar situado entre um terreno montanhoso contribui para os altos níveis de precipitação de chuva. Anualmente, o volume de água proveniente das chuvas é de cerca de 11.516 mm.

3° – Tutunendo – Colômbia

Tutunendo é uma aldeia da Colômbia, que possui o maior volume de chuvas da América do Sul.

Ainda no período considerado seco no local, que é entre e fevereiro e março, há pelo menos 20 dias de chuva por mês.

A região, que é um povoado turístico, está próxima ao Equador e ao Oceano Pacífico. No local há cerca de 1.000 habitantes.

O índice médio anual de chuva em Tutunendo é de 11.770 mm.

2° – Cherrapunji – Índia

Cherrapunji é uma vila indiana pertencente ao estado de Meghalaya e está somente a 16 km do local mais chuvoso do planeta.

O local é o segundo mais chuvoso do mundo. Lá não há estação seca, já que chove quase todo dia.

Segundo o Guinness Book, o Livro dos Recordes, no período entre agosto de 1860 e julho de 1861, a região teve o maior nível de chuva em um só ano, quando foram registrados 22.987 mm.

Cherrapunji também detém o título do mês mais chuvoso já registrado. Em julho de 1861 caíram 9.300 mm de água na região.

Anualmente, a média do volume de chuva anual é de 11.777 mm.

1° – Mawsynram – Índia

No vilarejo indiano de Mawsynram, é muito raro o dia que não chove. Para andar na chuva, os habitantes do local usam na cabeça uma capa de bambu e folhas secas, em um formato semelhante a uma canoa. Além de proteger a cabeça, a invenção conhecida como “Knup”, também protege parte do corpo.

As casas do vilarejo possuem um isolamento acústico feito de grama no telhado, que ajuda a diminuir o barulho da água caindo.

As chuvas são provenientes da umidade e altas temperaturas da área, em especial na Baía de Bengala.

Anualmente, chove em média um volume de 11.871 mm.

Deixe Um Comentário