As maiores bibliotecas do mundo

0

As bibliotecas são espaços importantes para a divulgação de conhecimento e também para a conservação não apenas de livros, mas de documentos e diversos materiais que contam a história da nossa humanidade.

Além disso, as bibliotecas são espaços dos sonhos para os amantes de livros. Não à toa, estão sempre presentes no cinema e literatura como espaços encantados cheios e que guardam mistérios a serem revelados.

Confira uma lista com algumas das maiores bibliotecas do mundo:

5° – Biblioteca Nacional da Rússia – São Petersburgo

A Biblioteca Nacional da Rússia foi constituída a partir da Biblioteca Pública Imperial
Biblioteca Nacional da Rússia – São Petersburgo

Esta biblioteca foi constituída a partir da Biblioteca Pública Imperial, que foi fundada no final do século XVII pela Rainha Catarina, a Grande.

Atualmente, a biblioteca possui um grande número de obras para leitura e consulta. Há ainda exposições permanentes e esporádicas, que ocorrem no Salão Central das Exposições.

A Biblioteca Nacional da Russa conta ainda com um Departamento de Manuscritos. Dessa forma, os visitantes que se interessarem podem fazer uma visita guiada na biblioteca para saber mais sobre a arquitetura, decoração e coleções lá presentes.

4° – Biblioteca do Estado Russo – Moscou

A Rússia tem uma das literaturas mais prestigiadas do mundo
Biblioteca do Estado Russo – Moscou

Que a Rússia tem uma das literaturas mais prestigiadas do mundo é inegável. Contudo, o país também possui duas das maiores bibliotecas do mundo.

A Biblioteca do Estado Russo possui mais de 46 milhões de peças em seu acervo. Ela foi construída de em 1862 e até 1991 se chamava Biblioteca Lenin da União Soviética. Com o fim da URSS ela passou a ter o nome que tem hoje.

No acervo da biblioteca há mais de 150 mil mapas, registros sonoros, partituras e publicações em mais 300 idiomas e dialetos. Cerca de 30% do acervo é composto de obras em outros idiomas.

A biblioteca não permite o empréstimo de livros, mas o visitante pode levar seu livro para ler no local.

3° – Biblioteca Pública de Nova Iorque

Uma das maiores bibliotecas fica em Nova Iorque e conta com 53 milhões de obras no acervo
Biblioteca Pública de Nova Iorque

Esta biblioteca possui mais de 53 milhões de obras. A inauguração do prédio aconteceu em 1911, após 11 anos de construção.

O cenário com duas estátuas de leões conhecidas como Fortitude e Patience é um símbolo de Nova Iorque, aparecendo em várias produções ambientadas na cidade.

A visitação é gratuita e o local também oferece oficinas, palestras e cursos.

2° – Biblioteca Nacional do Reino Unido

A Biblioteca Nacional do Reino Unido possui manuscritos com anotações de Leonardo da Vinci
Biblioteca Nacional do Reino Unido

Nesta biblioteca dos sonhos há manuscritos com anotações de Leonardo da Vinci, Jane Austen e dos Beatles. Há também uma coleção de jornais antigos e a Carta Magna do país assinada em 1215, que é tida como um dos documentos mais importantes do mundo.

A fundação da biblioteca ocorreu em 1973 e possui mais de 170 milhões de itens. Além do prédio de seis andares, há também uma torre de vidro com 65 mil obras da coleção pessoal do Rei George III, assim como livros e materiais diversos ligados ao iluminismo.

Na biblioteca, há também exposições temporárias aos visitantes. Uma das que mais fez sucesso foi a que comemorou os 20 anos do primeiro livro da saga Harry Potter. Na ocasião foram exibidos desenhos e manuscritos originais da autora J.K. Rowling.

1° – Biblioteca do Congresso – Washington

A maior das bibliotecas, tanto em tamanho como em acerto, fica em Whashington
Biblioteca do Congresso – Washington

A Biblioteca do Congresso é a maior do mundo, tanto em suas dimensões quanto pelo número de livros e diversos materiais de seu acervo.

A inauguração da biblioteca ocorreu em 1800, no prédio do Capitólio. Após 14 anos, o prédio foi incendiado por tropas britânicas, mas foi reconstruído.

O presidente Thomas Jefferson cedeu 6.487 publicações ao acervo da biblioteca e cerca de 23 mil dólares para a reconstrução. Contudo, em 1875 ela pegou fogo novamente e foi reinaugurada somente em 1897 em um prédio independente.

Atualmente, a Biblioteca do Congresso possui 155 milhões de exemplares, entre eles mais 32 milhões de livros em 470 idiomas diferentes. Há ainda mais de 60 milhões de publicações manuscritas, mapas, dados numéricos, áudios e outros conteúdos.

Além disso, a visita ao local é gratuita e guiada. Vale a pena conhecer!

Share.

Leave A Reply