Os peixes mais velozes do mundo

0

O fundo do mar é cheio de encanto e mistério. Mas, também é um local em que os animais precisam lutar pela sobrevivência e isso inclui os peixes mais velozes.

A velocidade é um fator importante, seja para capturar presas ou para fugir de predadores. Os peixes mais velozes estão nas águas dos grandes mares, onde eles não tem limites para nadar.

Além de dar um show quando o assunto é velocidade, esses animais também são considerados potências dos mares por conta de seu tamanho. Em geral, são grandes apreciados pela pesca, tanto pelo valor comercial quanto pelo desafio de se capturar uma espécie tão difícil.

Há aqueles que já começam a sofrer risco de extinção.

Confira os animais aquáticos que impressionam quanto o assunto é velocidade:

5° – Tubarão-Mako

O tubarão-mako é encontrado em mares temperados e tropicais. Em geral, com temperaturas acima de 16 °C.

Esta espécie de tubarão pode chegar a medir até 4,3 metros de comprimento e pesar até 580 quilos. Ele se alimenta de outros tubarões e outros peixes do alto mar.

O mako é o tubarão mais rápido de sua família, podendo chegar a até 88 km/h.

4° – Atum-rabilho

O atum-rabilho habita as margens leste e oeste do Oceano Atlântico e Mediterrâneo.

Anteriormente, a espécie também estava presente nas águas do Mar Negro, mas atualmente encontra-se em extinção nessas águas.

O peixe pode chegar a 3 metros de comprimento e pesar mais de 600 quilos. Esse gigante dos mares pode atingir a velocidade de 90 km/ h.

3° – Peixe-espada

O peixe-espada habita as águas frias do oceano. Ele chega a atingir até 3,5 m de comprimento.

O nome é proveniente de uma extensão pontiaguda em sua boca que é muito parecida com uma espada. Esta espécie é bastante apreciada pelos praticantes da pesca esportiva.

Também o comércio de pescados tem interesse no peixe-espada, isso porque ele pertence ao grupo dos peixes azuis, que possuem grande quantidade de ômega-3 e selênio.

Ele também é bastante veloz, conseguindo atingir a velocidade de 97 km/h.

2° – Agulhão-vela

Também chamado de peixe-vela, esta espécie é natural dos oceanos Pacífico, Atlântico e Índico.

No Brasil, ele está presente em todo o litoral. A característica mais marcante dele é a nadadeira dorsal que possui formato de vela. O “bico” dele é pontiagudo semelhante ao peixe-espada.

O agulhão-vela pode chegar a medir 3 metros de comprimento e pesar mais de 100 quilos. Em relação à velocidade, este peixe é um dos mais rápidos dos mares chegando a atingir 109 km/h.

1° – Agulhão-negro

Também chamado de espadachim-negro ou marlim-negro, este peixe pode chegar a 5 metros de comprimento e 800 quilos de peso.

Por conta de seu tamanho, para a sua pescaria, se usa um atum vivo como isca. A espécie está presente nas regiões temperadas do Oceano Atlântico. No Brasil, ele pode ser encontrado nos mares da região Norte até a Sudeste.

O agulhão-negro é bastante valorizado para a pesca e também é o primeiro entre os peixes mais velozes dos mares, chegando atingir a velocidade de 129 km/ h.

Deixe Um Comentário